Obesidade está ligada também à compensação de estados emocionais

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Mais de 2 bilhões de pessoas no mundo sofrem com sobrepeso ou obesidade

Cerca de 2,2 bilhões de pessoas sofrem com sobrepeso ou obesidade no mundo e podem sofrer problemas de saúde por conta dessa condição, segundo um estudo publicado na revista especializada The New England Journal of  Medicine.

A pesquisa realizada pelo Instituto de Metrologia da Saúde e Avaliação (IHME, pelas suas siglas em inglês) da Universidade de Washington em Seattle (EUA) e apresentada no EAT Food Forum em Estocolmo, se centrou no estudo de 195 países e territórios entre os anos 1980 e 2015.

Os mais de 2,3 mil colaboradores em 133 países se basearam nos dados do Global Burden of Disease (GBD), uma colaboração internacional que avalia sistematicamente a saúde e os seus fatores de risco de 188 países. Segundo esses dados, 2,2 bilhões de pessoas em 2015 no mundo sofreram com excesso de peso, o que significa 30% da população. Dessa quantidade, 108 milhões de crianças e 600 milhões de adultos tinham um índice de massa corporal no limiar da obesidade, que superava 30.

De acordo com a definição do estudo, um índice de massa corporal (IMC), que associa o peso com a altura do indivíduo, superior a 30 equivale à obesidade, enquanto entre 25 e 30 corresponde ao sobrepeso.

Desde 1980, a obesidade duplicou em mais de 70 países e cresceu continuamente na maioria, além do que, no caso das crianças, o ritmo de obesidade de muitos lugares no mundo superou o dos adultos. Os Estados Unidos foram, com quase 13% de seus habitantes, o país com o maior nível de obesidade entre os 20 mais populosos.

Egito teve a maior percentagem de adultos obesos, com 35% da sua população; seguido por EUA, com 79,4 milhões de pessoas; e China, com 57,3 milhões. Por sua vez, 15,3 milhões de meninos chineses e 14,4 milhões de meninos da Índia foram os menores que mais padeceram com esta doença crônica.

No outro lado do espectro, estão Bangladesh e Vietnã, com 1% de obesidade entre seus habitantes.

“O excesso de peso é um dos problemas de saúde pública mais difíceis do nosso tempo, que afeta quase uma em cada três pessoas no mundo”, assegurou Ashkan Afshin, um dos autores do estudo e professor da Universidade de Washington.

Os especialistas avisaram que este aumento de peso mundial em crianças e adultos provoca problemas de saúde e doenças que causaram um aumento do número de mortes relacionadas com o sobrepeso e a obesidade nos últimos anos. No total, 40% das mortes em 2015 relacionadas com o excesso de peso corporal corresponderam a pessoas que, com o índice de massa corporal, estavam com sobrepeso, mas não chegaram a ser consideradas obesas.

Aumento da Obesidade no Brasil

O relatório conjunto da Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO) e a Organização Pan-americana de Saúde (Opas) divulgado recentemente, aponta que a obesidade e o sobrepeso vêm aumentando no Brasil assim como em toda a América Latina e Caribe, com um impacto maior nas mulheres e uma tendência de crescimento entre as crianças.

De acordo com o levantamento, intitulado “Panorama da Segurança Alimentar e Nutricional na América Latina e Caribe”, mais da metade da população brasileira está com sobrepeso e a obesidade já atinge a 20% das pessoas adultas no país.

Segundo o documento, elaborado com base em dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), o sobrepeso em adultos no Brasil passou de 51,1% em 2010, para 54,1% em 2014. A tendência de aumento também foi registrada na avaliação nacional da obesidade. Em 2010, 17,8% da população era obesa; em 2014, o índice chegou aos 20%, sendo a maior prevalência entre as mulheres, 22,7%.

Obesidade infantil

Outro dado do relatório é o aumento do sobrepeso infantil. Estima-se que 7,3% das crianças menores de cinco anos estão acima do peso, sendo as meninas as mais afetadas, com 7,7%., enquanto 58% da população latino-americana e caribenha estão com sobrepeso, num total de 360 milhões de pessoas, e a obesidade afeta 140 milhões, ou 23% da população regional.

O Paradoxo da Fome e Obesidade

O Panorama acende um alerta para toda a sociedade e também para o governo. Ao mesmo tempo em que o Brasil conseguiu superar a fome, alcançando níveis inferiores a 5% desde 2014, quando o país saiu do mapa da fome da ONU, vem aumentando nos últimos anos os índices de sobrepeso e obesidade. Essa situação gera impactos importantes na saúde da população e já foi eleita como tema prioritário nas agendas das famílias e das autoridades.

Afinal, o que está acontecendo? Por que a obesidade vem aumentando drasticamente no mundo? O que está por trás da gordura?

Para a médica pediatra e especialista em medicina chinesa e acupuntura Márcia Yamamura, o sobrepeso e a obesidade não podem ser explicados apenas pela alimentação, ou pelo quanto a pessoa come e o quanto ela gasta. “Costumo orientar os meus pacientes sobre a diferença entre comida e alimento. O alimento é para suprir nossas necessidades nutricionais e a comida tem um componente emocional.

Compensamos nossos estados emocionais na comida. Se estamos ansiosos, comemos ou vamos para outro extremo – o de não comer nada. Todos os estados emocionais evocam em nós uma compensação.

Portanto, é fundamental compreender qual é o estado emocional que faz a pessoa compensar na comida. Com o que a pessoa está insatisfeita na sua vida que ela come, come, come e nada a satisfaz? A fala dos indivíduos em sobrepeso e em obesidade é que eles são insatisfeitos.

Assista ao vídeo:

 

No Brasil, a questão da obesidade reacendeu uma guerra de forças entre Anvisa, Congresso e representantes de entidades médicas. A aprovação pela Câmara dos Deputados do projeto de lei que autoriza a produção, a comercialização e o consumo dos inibidores de apetite, alguns vetados na Europa e nos Estados Unidos, está sendo vista por muitos como mais uma afronta à agência reguladora do país, a Anvisa.

Para saber mais, leia aqui.

Veja também: Acupuntura pode auxiliar no emagrecimento e Alimentos que ajudam nosso sistema imunológico

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here