Acupuntura ajuda no tratamento de dores de cabeça e enxaqueca

1
1161
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

As dores de cabeça ou enxaqueca não perdoam eventos sociais, dias importantes no trabalho ou mesmo férias com a família. Costumam aparecer sempre nas piores horas. Um estudo da Organização Mundial da Saúde (OMS) revelou que o problema afeta até 75% dos adultos de 18 a 65 anos. Para piorar, as causas podem ser variadas, o que dificulta na cura desse terrível incômodo.

Se você se enquadra nesse grupo e está cansado de tomar comprimidos sem resultados ou de tentar técnicas variadas, fique sabendo que é possível acabar com a dor de cabeça sem remédios ou soluções mirabolantes, através da acupuntura. É o que garante a médica acupunturista e diretora do Centro de Pesquisa e Estudo da Medicina Chinesa, Márcia Lika Yamamura. “O tratamento com acupuntura é indicado para cefaleias e enxaquecas oriundas de origem energética (alteração nos meridianos de acupuntura) e inflamatória. A eficácia do método está em seu efeito analgésico e anti-inflamatório, tornando-se uma alternativa ao uso excessivo de medicamentos com bons resultados”, afirma ela.

As melhoras foram comprovadas por uma pesquisa recente da University of Traditional Chinese Medicine, na China, que indica que acupuntura ajuda a reduzir o número de dias de enxaqueca e pode ter efeitos duradouros sobre o problema. Durante quatro semanas, 500 adultos foram submetidos ao tratamento. Antes do estudo, a maioria sofria de enxaquecas mensalmente, com cerca de seis ocorrências por mês. Após passar pelo procedimento, os relatos de enxaqueca caíram para três episódios mensais.

Antes de começar o tratamento, porém, o paciente deve ser diagnosticado da forma correta, já que não se pode colocar todos os tipos de cefaleias na mesma categoria. “Existem inúmeras causas para a dor de cabeça, desde estados emocionais, cansaço, fadiga, sono, estresse, tensão, fome, até ser sintoma que acompanha outras doenças como hipertensão, diabetes ou tumores. Quando é consequente a uma doença de base, esta deve ser tratada primariamente” explica ela.

Em casos comuns ou dores crônicas, as sessões são realizadas semanalmente, em condições agudas ou severas, as sessões podem ser feitas até três vezes por semana e normalmente duram entre 30 e 50 minutos. De acordo com a especialista, com um mês de tratamento o paciente sente melhora em seu dia a dia e com seis meses os resultados podem ser sentidos de forma permanente.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here